Só Templates

Agora são Horas e Minutos - Bem vindo ao Portal do Tango! Sua visita muito me alegra! Obrigada pela sua presença. Volte Sempre!.

A todos vocês que me visitam, ofereço estas rosas com todo meu carinho!

OBRIGADA POR SUA VISITA!

Com todo meu carinho, ofereço a vocês, que me visitam e sempre me prestigiaram, esse novo Portal Momentos de Tango. Nesta nova fase, espero continuar contando com o apoio e incentivo de vocês que, com seus carinhos me ajudaram a levar adiante esse projeto, realizado com muito trabalho, conseguindo atingir todas as metas com muito amor, alegria e muita emoção. Espero que continuem com suas visitas e apreciando os meus trabalhos para que eu possa prosseguir com muito entusiasmo esta nova etapa, que visa não só a integração entre os tangueiros e expansão do tango, mas também atingir novos adeptos do Tango, e uma maior evolução para que possamos vivenciar os Momentos de Alegria , sentimentos de prazer, emoção e encantamento que o Tango nos transmite.

Elza Moreira

Quero brindar com você!

POR TUDO QUE APRENDI NESTE MUNDO VIRTUAL!

Elza Tango

Meus amigos!

Agradeço por tudo!
Obrigada por vocês existirem!
Elza Tango.
www.portalmomentosdetango.com.br


MomentosdeTango

A PRIMEIRA DAS SETE MARAVILHAS DA BLOGOSFERA VENCEDOR DO CONCURSO PELA SEGUNDA VEZ
Momentos de Tango - A 1ª Maravilha da Blogosfera! Momentos de Tango, pela segunda vez, vencedor do Concurso:As SETE MARAVILHAS DA BLOGOSFERA, promovido por um Site Gaucho - DADO.PAG , agora detentor do Titulo de PRIMEIRA MARAVILHA , escolhido entre mais de 200 blogueiros e mais de 400 sites e blogs que votaram neste Portal. Estou emocionada e muito surpresa , pois nem sabia que Momentos de Tango estava entre os Sites indicados. Agradeço a todos que me prestigiaram e votaram em minha página na Web e a todos que contribuiram para que eu pudesse ir adiante e executar esse trabalho considerado como a PRIMEIRA MARAVILHA DA WEB. Parabenizo os outros Sites e Blogs escolhidos como as outras seis Maravilhas da Web, vitoria conquistada por merecimento deste titulo, que muito nos honra e incentiva. Agradeço ao Dado pela promoção deste Concurso que valoriza o nosso trabalho. Clique na imagem acima e conheça
AS SETE MARAVILHAS DA BLOGOSFERA
Clique na imagem abaixo e conheça o Site promotor do concurso.

Elza Moreira
Momentos de Tango

Um poema para vocês!

Aquela dança, era muito mais que dança...

Elza Tango
DESAFIO
Elza Moreira
Eu me lembro ainda
Da primeira vez que fui a um Baile de Tango.
Mal sabia os primeiros passos...
Mas o compasso daquela dança,
Tão excitante,
Tão melancólica e
Tão envolvente
Fez com que eu sentisse
Em alguns instantes
Que aquela dança era muito mais que dança...
Um rapaz simpático,
Parado sob os lustres reluzentes
Encostado numa pilastra,
Com olhos penetrantes
Fitando sem cessar,
Em minha direção.
Pensei que interessante
Tem dançarinos, vou bailar...
E o olhar insistente
Eu vi de relance
Continuou a mirar.
Atingiu meu coração.
Um ambiente diferente
Com gente tão envolvente
Por que não tentar?...
Chegando bem perto,
De mansinho, bem baixinho
Começou a falar:
Permita-me esta dança?
Respondi: Eu não sei bailar...
- Que importa, vamos tentar?.
Com emoção
Toda contente
Para os seus braços
Sorridente, num abraço,
No salão fui bailar.
Essa dança diferente
Com passadas eloquentes
Tão difícil de dançar...
Tem que ser
Com sentimento,
Com compasso e emoção
O ritmo emocionante
Atingindo o coração.
O desafio, o desejo
A arrogância
A motivação...
Aquela música, mais que dança,
Mais que arte
Penetrando o coração
Veio me complementar
Hoje Tango, meu amigo,
Meu amante,
É mais que meu Altar
Elza Moreira

POSTAGENS

.

30/07/2011

ORAÇÃO A MIM MESMO







ORAÇÃO A MIM MESMO



(por Oswaldo Antonio Begiato)


Que eu me permita olhar, escutar e sonhar mais.

Falar menos, chorar menos.

Ver nos olhos de quem me vê a admiração que eles me têm e não a inveja que prepotentemente penso que têm.

Escutar com meus ouvidos atentos e minha boca estática as palavras que se fazem gestos e os gestos que se fazem palavras.

Permitir sempre escutar aquilo que eu não tenho me permitido escutar. Saber realizar os sonhos que nascem em mim e por mim e comigo morrem por eu não os saber sonhos.

Então que eu possa viver os sonhos possíveis e impossíveis; aqueles que morrem e ressuscitam a cada novo tempo, a cada nova flor, a cada novo calor, a cada nova geada, a cada novo dia.

Que eu possa sonhar o ar, sonhar o mar, sonhar o amar, sonhar o amalgamar.

Que eu me permita o silêncio das formas, dos movimentos, do impossível, da imensidão de toda a profundeza.

Que eu possa substituir minhas palavras pelo toque, pelo sentir, pelo compreender, pelo segredo da coisas mais raras, pela oração mental (aquela que a alma cria e que só ela, alma, ouve e só ela, alma, responde).

Que eu saiba dimensionar o calor, experimentar a forma, vislumbrar as curvas, desenhar as retas, e aprender o saber da exuberância que se mostra nas pequenas manifestações da vida.

Que eu saiba reproduzir na alma a imagem que entra pelos meus olhos fazendo-me parte suprema da natureza, criando-me e recriando-me a cada instante.

Que eu possa chorar menos de tristeza e mais de contentamentos.

Que meu choro não seja em vão, que em vão não sejam minhas dúvidas.

Que eu saiba perder meus caminhos, mas saiba recuperar meus destinos com dignidade.

Que eu não tenha medo de nada, principalmente de mim mesmo:- Que eu não tenha medo dos meus medos!

Que eu adormeça toda vez que for derramar lágrimas inúteis, e desperte com o coração cheio de esperanças.

Que eu faça de mim um homem sereno dentro da minha própria turbulência, sábio dentro dos meus limites pequenos e inexatos, humilde diante das minhas grandezas tolas e ingênuas(que eu me mostre o quanto são pequenas as minhas grandezas e quanto é valiosa a minha pequenez).

Que eu me permita ser mãe, ser pai, e se preciso, ser órfão.

Permita-me ensinar o pouco que sei e aprender o muito que não sei, traduzir o que os mestres ensinaram, e compreender a alegria com que os simples traduzem suas experiências; respeitar incondicionalmente o ser; o ser por si só, por mais nada que possa ter além de sua essência, auxiliar a solidão de quem chegou, render-me ao motivo de quem partiu e aceitar a saudade de quem ficou.

Que eu possa amar e ser amado. Que eu possa amar mesmo sem ser amado; fazer gentilezas a quem me dá carinhos; fazer carinhos mesmo sem receber gentilezas.

Que eu jamais fique só, mesmo querendo ficar só.

Amém.

Nenhum comentário:

PREMIOS, DESTAQUES E HOMENAGENS

OFERECIDOS A MOMENTOS DE TANGO

Rua Virtual dos Blogspremioshalomamigos.premiobronzecmi



Primavera - Estação das Flores!

Flores para colorir e perfumar seus dias! P



Aniversário de Elza 2009 - Festa Virtual

Participe da Festa Virtual, comemorando o Aniversário
de Elza Moreira.
A Festa está "bombando", com muitas fotos, videos, slides, músicas
Bolos, presentes e muito carinho.
Sua presença vai abrilhantar ainda mais a Festa!
Clique no Bolo e vem bailar !

Premio Fidalguia - Concedido ao Momentos de Tango

PELO PORTAL ANTONIO POETA.
Portal Antônio Poeta - (Certeza de uma boa leitura): http://antoniopoeta.blogspot.com Editoriais do Portal: http://editorialdoportal.blogspot.com/ Projeto Paquetá a Ilha da Poesia: http://paqueta-ilhadapoesia.blogspot.com/ Revista de Poesias: http://www.revista-de-poesias.blogspot.com/ Telefone para contato: (21) 9768-3710 & (21) 9333-2090


AO PORTAL ANTONIO POETA
Agradeço ao Portal Antonio Poeta por esse honroso premio concedido ao Momentos de Tango, reconhecendo o meu trabalho.
É um valioso incentivo ser merecedora desta grande homenagem.
Obrigada, meu amigo Antonio Poeta!
E Parabéns pelo sucesso da Ong dos Poetas de Paguetá e pelo seu grande trabalho em prol do movimento cultural naquela cidade.
Elza Moreira